Câmara Municipal de Ponta Porã


Vereadores de Ponta Porã mantêm ritmo de trabalho e promovem sessão virtual


Publicado em: 07-04-2020


A Câmara Municipal de Ponta Porã promoveu na manhã de terça-feira, 7 de abril, uma sessão ordinária em que os vereadores analisaram as ações que estão sendo desenvolvidas na prevenção e combate ao novo coronavirus no município.

            A sessão foi virtual, ou seja, cada parlamentar, em seu gabinete, participou dos trabalhos através da internet, evitando desta forma o contato físico com os demais colegas e servidores, obedecendo às normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde neste momento em que ocorre a pandemia donovo coronavirus, covid 19.

            A utilização desta tecnologia unindo os parlamentares por meio da internet é uma atitude inédita no Parlamento de Ponta Porã.

            Os parlamentares elogiaram os trabalhos desenvolvidos pela Prefeitura de Ponta Porã no tocante às medidas de prevenção. Também aproveitaram para chamar a atenção da população para a necessidade de se evitar a dengue, doença que está atingindo muitos moradores. "Além da preocupação com a pandemia do coronavirus é preciso estar atento aos cuidados de prevenção da dengue. Temos conhecimento de que é grande o número de pessoas atendidas nas unidades de saúde acometidas pela dengue", frisaram os vereadores nos seus pronunciamentos.

            Na sessão deu entrada o Projeto de Lei N° 10/2020 que dispõe sobre a suspensão do cumprimento de obrigações financeiras referentes aos empréstimos consignados contratados por servidores públicos municipais de Ponta Porã, de autoria do vereador Paulinho Roberto do PT. O projeto prevê a suspensão pelo prazo de 90 dias dos pagamentos destes empréstimos por parte dos servidores. Uma medida que representa apoio para os funcionários públicos neste momento de dificuldade. O projeto será analisado pelas comissões temáticas da Casa e depois colocado em votação no Plenário.

            A sessão foi marcada pelo retorno de três parlamentares: Marcelino Nunes de Oliveira, Otaviano Cardoso e Rafael Modesto que retomaram às atividades parlamentares  por cota da legislação eleitoral. Eles estavam ocupando cargos na Prefeitura e tiveram que retornar à Casa de Leis por força da legislação. Desta forma, os suplentes Beth Almeida, Laercio Martins e Radialista Aleixo Alves, deixaram a Câmara Municipal de Ponta Porã.

            Outro destaque da sessão foi a comunicação de mudanças de partido por parte de cinco vereadores. Os vereadores Edinho Quintana, Rafael Modesto, Edevaldo Mattoso Barbosa comunicaram filiação no PSDB que se tornou a legenda com maior número de parlamentares na Casa. O vereador Marcelino Nunes também comunicou sua entrada no PDT e o vereador Farid Afif trocou o MDB pelo Democratas (DEM). O vereador Agnaldo Miudinho também passou a fazer parte da bancada do DEM.

            O presidente da Câmara Municipal, Rony Lino Miranda, disse que a ralização da sessão virtual obedece a legislação vigente no país e é uma demonstração de que os vereadores seguem o trabalho normal. "Vivemos um momento de grande preocupação. Nossa população precisa ser atendida e a Câmara Municipal está ao lado dos moradores, apoiando as ações desenvolvidas pelas demais autoridades para garantir a saúde dos pontaporanenses neste momento tão dificil. Estaremos aqui trabalhando, cumprindo o nosso papel", garantiu Rony Lino.


Fonte:  Assessoria CMPP


Fotos:  Lécio Aguilera